2via boleto

Cadastro Positivo chegou para beneficiar consumidores, reduzir juros e melhorar concorrência bancária

10122019-SPC-CADASTRO-POSITIVO-ENDOSSADO


Bancos e instituições financeiras já começaram a enviar informações de pagamento dos consumidores para os gestores autorizados a atuar no Cadastro Positivo. Os primeiros cadastros estão sendo abertos e comunicados aos interessados. A comunicação está sendo feita aos cadastrados por e-mail, carta ou sms, sendo de responsabilidade dos bureaus de crédito.

Caso não queira participar do cadastro, o consumidor terá 30 dias após a comunicação da abertura de conta para se manifestar. Somente depois desse prazo, os bureaus de crédito vão incluir as informações, que no primeiro momento serão apenas de instituições financeiras.

O Banco Central (BC) autorizou quatro bureaus de crédito a operar com o cadastro. Além do SPC Brasil/Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL), a Boa Vista Serviços, Quod Gestora de Inteligência de Crédito e Serasa. Com os dados, eles poderão calcular o score de crédito de cada participante — uma nota de crédito que dirá se a pessoa é uma boa pagadora ou não.

Com a implantação do Cadastro Positivo, todos os brasileiros que possuem operações de crédito e contas de consumo passam a fazer parte de forma automática do banco de dados, sem necessidade de inscrição.

Nas próximas fases empresas de telefonia, companhias prestadoras de serviços como água, luz e gás e o setor varejista também deverão compartilhar informações de pagamento, o que fará com que o Cadastro Positivo agregue, nos próximos meses, a população não bancarizada.

O Cadastro Positivo beneficia os consumidores que buscam crédito porque estimula a utilização de informações sobre os pagamentos que são realizados em dia pelos clientes, considerando não apenas os dados negativos de inadimplência, como até então.

Com essa mudança, consumidores e empresas que estão em dia com seus compromissos financeiros poderão ter acesso a condições mais favoráveis de financiamento, juros diferenciados de acordo com o perfil de cada consumidor e formas de pagamento facilitadas. Isso tudo sem afetar a proteção de dados sensíveis e o próprio sigilo bancário que permanecem preservados.

O Cadastro Positivo não inclui dados sobre quais bens foram adquiridos, informações de saldo em conta corrente e tampouco de investimentos, que nem mesmo serão enviadas aos gestores do banco de dados.

Apesar das vantagens proporcionadas pelo Cadastro Positivo, quem não quiser fazer parte poderá cancelar a inscrição a qualquer momento de forma gratuita, assim como voltar ao Cadastro no momento que desejar. O cancelamento e o reingresso podem ser feito pela internet no site www.spcbrasil.org.br/cadastropositivo/consumidor